Arquivo da tag: Luanda

Quem Sampleou? (05)

Luanda, proclamou a Independência da República Popular de Angola às 23:00 horas do dia 11 de Novembro de 1975 e para celebrar essa data 38 anos depois, chegou a vez de descobrir quem sampleou o angolano Bonga!

97

Um artista americano sampleou um grande clássico de Bonga:

– Bonga

Mona ki ngi xica (Sample aparece aos 0:00)

– AZ

SOSA (sample aparece aos 0:00)

E o próprio Bonga regravou um clássico angolano para depois ser regravado pelo DJ Manya:

– Lilly Tchiumba

Paxi Ngongo

– Bonga

Paxi Ni Ngongo

– Dj Manya

Paxi Ni Ngongo

Etiquetado , , , , , , , ,

Viva o cinema de língua portuguesa!

O cinema é uma das artes mais importantes, quando se trata de retratar as diferentes culturas. A língua portuguesa, com suas diversas culturas, está cada vez mais bem representada por profissionais da sétima arte!

images

Vamos dar abaixo alguns exemplos de filmes e curtas para todos os gostos:

– Começamos com a portuguesa Regina Pessoa e seus curtas (um deles premiado no Festival de Animação de Hiroshima):

Em seguida, compartilhamos o trailer do filme “A última vez que vi Macau”, dos portugueses João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata ( filme distinguido em Locarno,  Suíça):

– Continuamos com o filme brasileiro “2 Coelhos”, de Afonso Poyart:

SINOPSE
Edgar (Fernando Alves Pinto) encontra-se na mesma situação que a maioria dos brasileiros: espremido entre a criminalidade, que age impunemente, e a maioria do poder público, que só age com o auxílio da corrupção.
Cansado de ser vítima dessa situação, ele resolve fazer justiça com as próprias mãos e elabora um plano que colocará os criminosos em rota de colisão com políticos gananciosos.
Na medida em que o plano de Edgar é executado, descobrimos pouco a pouco suas reais intenções e sua história, marcada por um terrível acidente e um amor que ele jamais esqueceu. ‘2 Coelhos’ é um enigmático suspense de ação, onde cada minuto vale mais que todo o passado.

– Para quem gosta de sentir medo, sugerimos o curta S.C.U.M, do português Pedro Rodrigues:

S.C.U.M. PRIMEIRA PARTE from s.c.u.m. on Vimeo.

S.C.U.M. SEGUNDA PARTE. from s.c.u.m. on Vimeo.

– Depois disso, acalmemos as almas com a bela animação de Pedro Vaz, Miguel Coelho, Mário Dinis e Eduardo Nunes:

O Direito à Infelicidade from Nefasto on Vimeo.

– Para finalizar, que tal um curta sobre Luanda?

Caso se tenha interessado, e/ou gostado de pelo menos algum destes filmes, entre já no site Zarpante e contribua para o projeto FESTin ( Festival Itinerante do Cinema de Língua Portuguesa)! Ao contribuir para o projeto, você estará ajudando os profissionais do cinema de língua portuguesa! Afinal, se hoje em dia encontramos gratuitamente quase todos os filmes graças à internet, e isso é muito bom para nós do público, que queremos descobrir novos filmes, não podemos esquecer que as pessoas que produzem, dirigem, actuam nos filmes, precisam, de uma maneira ou de outra, ser remuneradas, para que possam continuar fazendo esses lindos trabalhos, que nos fazem viajar sem ter que sair do sofá…

Clique aqui e contribua para o projeto FESTin no site Zarpante: sua contribuição é importantíssima, e você ainda ganha recompensas exclusivas!

– Sobre o mesmo assunto.

Longa Metragens em competição no FESTin 2013!

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Novo serviço no site Zarpante

Neste começo do ano de 2013, Zarpante tem um novo serviço para oferecer a vocês!

Trata-se de uma Galeria de Arte virtual que vai agradar tanto aos criativos quanto aos apreciadores ou colecionadores de arte!

A ideia é dar espaço e visibilidade às obras de artistas contemporâneos dos países de língua portuguesa!

Cria-se assim um espaço para quem quer compartilhar com o mundo sua criatividade, mas também para quem deseja adquirir obras exclusivas de artistas talentosos!

Temos a grande satisfação de apresentar os artistas que já estão com suas obras à venda em nosso site:

A- Firmino Pascoal:

Titulo: Quatro
120 x 150 cm
Preço: 500 €
Sem molduras, frete não incluso

Nascido em Luanda em agosto de 1954, o artista é músico desde menino, começa pelo canto, depois a paixão pela percussão, prosseguindo e desenvolvendo  sua carreira como músico e autor de música de raiz étnica africana com o projecto Lindu Mona. A música está por consequência fortemente presente em seu trabalho de artes plásticas, onde cruza as sonoridades da sua infância africana com as cores da sua adolescência europeia!

B- Flôr Kepah:

Penetração
Tamanho: A4
Papel: Canson branco, 224 g/m²
Material: Lápis multicolorido
R$120,00
Sem molduras, frete não incluso

Nasceu no dia 26 de dezembro de 1976 em Florianópolis, sul do Brasil. É uma artista cheia de talentos, que exerce sua criatividade em diversas áreas. Decoradora de interiores, poetisa, letrista, compositora musical e, claro, pintora autodidata desde 2004, admiradora de Pablo Picasso, Joan Miró, Tarsila do Amaral, Jackson Pollock e Van Gogh, transitou por várias estéticas que, de maneira sensorial, culminaram em sua linguagem plástica atual: Orgânica e Sensual. Em agosto de 2012 teve a sua segunda amostra, dessa vez coletiva: “Farsa, não se compreende nada nesse mundo”, sob a curadoria de Fernando Boppré e o apoio de SESC.

c- Sid Figueiredo:

A esteticidade do ritmo com as figuras
Piche, tinta acrílica
150 x 150 cm
Preço: 1 200 €
Sem molduras, frete não incluso

Pintor brasileiro de Londrina, Paraná,  formado em Artes Visuais – UNOPAR

Atualmente, divide o  tempo entre as artes plásticas e a publicidade, onde exerçe a função de diretor de criação.

Desenvolve uma nova linguagem de pintura em torno de uma zona uterina, entrando em vertigem com inteira liberdade e irreverência de movimentar o espaço na obra, gerando novos equilíbrios e harmonias de cores. Assim nasce o ritmo: ele quer tomar conta do espaço, misturando-se com a ordem e desordem. Hoje Sid é  “ponderação, vertigem e ritmo”.

Essas são apenas algumas das obras à venda em nosso site. Para descobrir mais trabalhos exclusivos, basta acessar o serviço de Arte à Venda em nosso site! Compre e incentive artistas independentes cheios de talento!

Pode ser um presente para uma pessoa especial, ou para impressionar algum amigo que goste de arte e cultura, e pode também decorar sua própria casa de uma maneira inovadora!

Quanto a você, criativo que se interessou por nosso espaço e deseja vender suas obras através de Zarpante, basta contactar-nos  (zarpante@gmail.com) e enviar-nos as fotos das obras a serem divulgadas, bem como as informações sobre as obras (nome, tamanho, material, etc).

Etiquetado , , , , , , ,

Paris: uma cidade que o Facebook “curte”!

A cidade de Paris pode desde já agradecer seus 2 milhões de fãs Facebook por terem curtido a Fan page oficial da capital francesa! A imagem veiculada por estes, poderá se traduzir concretamente em termos de visitas “physicas” a capital.

O número atingido é um recorde em relação a todas as outras metrópoles mundiais, e por isso mesmo a prefeitura da cidade agradeceu publicamente, os 2 milhões de fãs, pintando  um grande polegar para o alto (logo do botão “curtir”da rede social) na praça em, frente a própria prefeitura!

  Esse número corresponde  a página oficial da cidade de Paris e não a página automaticamente criada por Facebook que conta com 4 milhões de fãs

Mulheres e estrangeiros:

Alem de ser motivo de orgulho, esta grande comunidade pode trazer outras vantagens! Como por exemplo um simples estudo demográfico: vemos então que existe uma diferença considerável entre o numero de homens e de mulheres que curtem a página! As mulheres claro, são muito mais apaixonadas que os homens pela cidade Luz! As mulheres representam nada menos que 70 por cento dos fãs inscritos!

Por outro lado, são maioritariamente estrangeiros que curtem a página de Paris (ainda que a página seja toda em francês).

Paris Exposition: Champ de Mars and Eiffel Tow...

Paris Exposition: Champ de Mars and Eiffel Tower, Paris, France, 1900 (Photo credit: Brooklyn Museum)

O “botão curtir” parece ter um verdadeiro poder em termos de marketing, assim como demonstrado pelos estudos de ComScore. A pesquisa teria revelado que o  numero de “curtidas”na rede social se traduz em termos de venda para as empresas graças a imagem de uma marca apoiada pelo seu público! Quem “curte”uma página está ajudando a empresa ou projeto, e divulgando-a indiretamente a seus amigos.

É difícil saber exatamente quantos dois 28 milhões de visitantes que a cidade recebeu em 2012 fazem parte dos 2 milhões de “curtidas”, mas  a marca Paris conta com  2 milhões de pessoas veiculando suas mensagens  pelos “muros” sociais…

Mas a presença nas redes sociais não é por acaso: os fãs recebem atualizações regulares dos administradores da página, que são pagos pela cidade para seduzir as pessoas e incitá-las a ir a Paris e consumir…

   E a página oficial de Luanda onde está no Face? A do Rio de Janeiro?  E Lisboa?….

Etiquetado , , , , , ,

Angola Mãe Querida!

Temos o enorme prazer de anunciar o primeiro projeto angolano em nosso site! O livro “Angola Mãe Querida”, é de autoria do angolano Gregório B.T. Semedo, que neste momento, reside em Portugal!

A obra viaja pelo quotidiano de Angola após a guerra civil. Embora seja uma obra de ficção, os personagens nos permitem conhecer um pouco da realidade angolana.

“O livro Angola mãe Querida, conta a história de um jovem emigrante “Zito” que passa pelo processo de adoção de uma nova pátria contrastando com a busca e resgate de suas verdadeiras origens em Angola. O livro Angola mãe Querida toca ao de leve nos fenómenos de dispersão do povo angolano: o tráfico negreiro e a guerra civil.”

A intenção é de editar e distribuir exemplares do livro em Angola, Portugal e Cabo-Verde!

Veja aqui um trecho, e uma ilustração do livro que queremos lançar!

Praia Morena ( Quadro do próprio escritor Gregório Semedo)

Praia Morena ( Quadro do próprio escritor Gregório Semedo)

1- Praia Morena

“Ao Passarem em frente da antiga ponte cais comentam:

– Daqui partiram muitos africanos com destino a diversas partes do mundo.- Diz Zito.

– É verdade, a maioria foi com destino ao Brasil e Estados Unidos da América. No Brasil a maioria foi para trabalhar nas plantações de café e cana de açúcar.- Completa Ferreirinha.”

Vamos participar pessoal?!

Para saber mais sobre o projeto e sobre as recompensas que podem ganhar se contribuírem, acessem o link seguinte:

Projeto Angola Mãe Querida!

E para ajudar na divulgação e ficar por dentro da progressão do projeto, basta participar do  grupo facebook que criamos para reunir os interessados pelo projeto!

Grupo Facebook Angola Mãe Querida!

Zarpem nessa!

Etiquetado , , , , , , , , ,

Rui Mingas!

Descubra um pouco mais sobre o grande cantor angolano Rui Mingas! Quem conhece, sabe bem de seu talento, mas para quem ainda não o conhece, não perca tempo!

“Rui Alberto Vieira Dias Rodrigues Mingas (12 de Maio de 1939) é um cantor angolano. Foi ministro angolano do Desporto e embaixador de Angola em Portugal.

É filho de André Rodrigues Mingas, Jr. (Cabinda, 15 de Novembro de 1905 – Luanda) e de sua mulher (casados em Luanda a 28 de Outubro de 1957) Antónia Diniz Vieira Dias (Congo Belga, 7 de Janeiro de 1911 – Luanda).

Rui Mingas foi praticante de atletismo, em salto em altura e 110m barreiras, no Benfica. Participou no programa Zip-Zip. Aparece no primeiro disco do programa com a canção “Ixi Ami (Minha Terra)”. Gravou vários discos para a editora Zip-Zip.

É um dos autores da canção “Meninos do Huambo“, celebrizada em Portugal por Paulo de Carvalho.

Casou com Julieta Cristina da Silva Branco Lima (Lubango, 17 de Outubro de 1940), filha de Manuel Branco Lima e de sua mulher Julieta da Silva. É pai da cantora Katila Mingas, de Ângela Cristina Branco Lima Rodrigues Mingas (Lisboa, 18 de Outubro de 1971), da modelo Nayma e de Carlos Filipe Branco Lima Rodrigues Mingas (Lisboa, 25 de Janeiro de 1974).

Rui Mingas pertence a uma família de influentes músicos angolanos. De seu tio Liceu Vieira Dias recebeu o ritmo uma nova maneira de interpretar a música angolana. Rui Mingas desenvolveu a sua sonoridade e influenciou outro grande músico angolano, por sinal seu irmão, André Mingas.” Fonte

Etiquetado , , , ,

Sonhador!

Jack Nkanga é um jovem artista angolano que tem muito o que compartilhar!

Jack Nkanga!
Músico angolano!

“NKANGA JACK FERNANDO, conhecido pelo seu nome de palco JACK NKANGA, é cantor de neo-soul, afro-beat, rock, funk…, compositor e produtor, é conhecido pela sua sui generis e as suas habilidades vocais, influenciado por SONS EXÓTICOS…é um dos mais recentes músicos conhecido da nova sonoridade na indústria musical angolana

Jack Nkanga nasceu NKANGA JACK FERNANDO no DAMBA-UÍGE, aos 6 de fevereiro, por pais comerciantes. Viveu no Uíge até aos 6 anos de idade. Devido à guerra civil no pais  foi sujeitado a trocar Uíge por Luanda, cidade onde cresceu, e CAPE TOWN, onde viveu poucos anos.

O seu talento musical foi descoberto muito cedo: entre os 3 e 4 anos de idade já compunha as suas melodias e cantava.

Atualmente trabalha no seu primeiro “LP” intitulado LOVE,DRAMA,TRAGEDY, experimentando o SOUL FUTURISTA AFRICANO, que tem como single promocional SONHADOR!”

E como Jack não é apenas um sonhador, em breve todos os que apreciam sua música, poderão diretamente contribuir para um projeto do artista em nosso site! Fiquem atentos pois vem coisa boa por ai!

Por hora fiquem com a musicalidade do artista na música “Sonhador”! Um clipe dessa música poderia ficar giro não acham?

Etiquetado , , , , , , , , , , , ,
%d blogueiros gostam disto: