O badalado crowdfunding

Porém, se o filme Inocente venceu  um Oscar em 2013, não é a primeira vez que a Academia se interessa por obras que nasceram em parte graças ao crowdfunding. Nesse ano, o documentário Kings Point  e o curta-ficção Buzkashi Boys também competiram ao Oscar, tendo respectivamente captado mais de 10.000 et 27.000 dólares graças ao financiamento coletivo. Além disso, três outros filmes financiados por crowdfunding também já tinham sido nomeados nos anos passados.

O fenômeno é similar na França, onde Le Sommeil d’Or, de Davy Chou, concorreu ao César de melhor documentário do ano, após ter recoltado mais de  11.000 euros em um site de crowdfunding. Consideremos ainda que 10% dos filmes selecionados para a mais recente edição do festival de Sundance, são filmes financiados totalmente ou em parte graças ao crowdfunding. Isso nos dá uma pequena ideia da amplitude do fenômeno e do reconhecimento institucional (por assim dizer) que o crowdfunding tem adquirido pouco a pouco…

Um recente estudo, encomendado por uma plataforma americana, indica que 2,7 milliards de dólares foram investidos por meio do crowdfunding em 2012, ou seja, um aumento de 81% em relação a 2011. Em torno de 12% desse valor diz respeito a filmes e teatro, que ficaram na frente dos projetos musicais com 7,5%.

Se falarmos unicamente da Europa, são 945 millions de Euros que foram contabilizados pelo estudo. As previsões para 2013 são de  5 bilhões de Euros no mundo todo. A revista Forbes, por sua vez, estima que o potencial de captação do crowdfunding irá se elevar à 1.000 bilhões de dólares em 2020.

Como tem se relacionado o crowdfunding com o audiovisual?

Nos  Estados-Unidos, a plataforma líder mundial, criada em 2008, possibilitou concretizar mais de 39.000 projetos, sendo que a grande maioria destes almejava um valor inferior  a 10.000 dólares.

Os filmes e os vídeos ocupam o segundo lugar no ranking das categorias mais prolíficas, logo atrás da música.

Estima-se que em 2012 274.391.721 dólares tenham sido realmente entregues aos “criativos”.

As estatísticas vertiginosas, escondem tanto histórias de sucesso, quanto grandes fracassos.

A série, Veronica Mars, que captou mais de um milhão de dólares em menos de 4 horas, é um exemplo de que tudo é possível na internet! No fim da campanha de captação, o projeto contava com algo em torno de  6 milhões de dólares. A receita do sucesso? Uma comunidade consequente de fãs (já constituída), vidéos lúdicos et recompensas interessantes. Detalhe: a Warner Bros se comprometeu a distribuir o filme caso a captação de recusros ultrapassasse os dois milhões de dólares… Mais uma façanha interessante do crowdfunding, democratizando a escolha dos programas a serem transmitidos na Tv e dos filmes que o público deseja ver serem realizados.

No entanto, nem tudo é azul nas plataformas americanas de crowdfunding: a cantora Bjork, mundialmente reconhecida, anulou um projeto no Kickstarter dez dias depois do lançamento, por falta de participação do público. Apenas  4% da meta  (375.000 Libras) tinham sido arecadadas. A ideia era financiar aplicativos relacionados ao álbum Biophilia. Razões do fracasso? : Recompensas insignificantes, relativamente inútil como projeto, e,  com certeza as pessoas não sentiram que a cantora islandesa precisasse realmente de ajuda., pois a cantora não deve ter se envolvido com sua própria campanha.

A verdade é que com uma base de fãs que já esteja construída, que seja ativa e participe divulgando e contribuindo, alguns vídeos para soltar durante a campanha, uma estratégia engraçada porém sólida e pragmática, uma boa ideia bem explicada,  e claro, um mínimo de participação e de luta pelo seu  próprio projeto, qualquer um é capaz de atingir metas inimagináveis gracas ao crowdfunding!

E ai pessoal? Alguém se animou?

Acessem já o site Zarpante e saibam mais sobre a plataforma de Crowdfunding dedicada ao falantes da língua portuguesa! De onde quer que venham e onde quer que estejam, serão todos bem-vindos!

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: