Lusofonia audiovisual!

Que tal algumas amostras do trabalho audiovisual feito em distintos países lusófonos? Dicas de filmes ou documentários ligados à cultura de língua portuguesa! Pedimos a todos os amigos oriundos de países lusófonos que nos enviem e-mails ou comentários, com sugestões de filmes interessantes que  possamos não conhecer! A cultura de língua portuguesa é tão vasta e diversificada que precisamos da ajuda de todos vocês para que tenhamos um retrato fiel do audiovisual lusófono!

Começamos com um teaser do documentário “Timor Lorosae, o nascimento de uma nação”! Trabalho dirigido pelo brasileiro Paulo Markun, no qual  descobriremos um pouco mais sobre um país tão jovem e peculiar, onde se fala nossa língua!

Em seguida, dois filmes sobre Angola:

Angola - Rio Kuanza

Angola – Rio Kuanza (Photo credit: mariag.)

1- Cartas de Angola: “Cartas de Angola é uma viagem a um passado esquecido e um olhar sobre uma memória geográfica onde duas histórias se intersectam: a história de uma portuguesa nascida em Angola, nas vésperas da independência, e as histórias dos cubanos que combateram na guerra em Angola. O filme, contado na primeira pessoa, é uma travessia pela Cuba de hoje e uma descoberta das histórias dos cubanos em Angola durante a guerra, através das quais se revela um passado perdido e uma ligação umbilical a uma terra distante. Um olhar íntimo e poético sobre aquilo que podemos aprender sobre nós próprios quando olhamos para os outros, Cartas de Angola é uma reflexão sobre o frágil lugar do indivíduo no contexto dos movimentos tectônicos da História.”

2- Cartas para Angola:

Documentário de Coraci Ruiz e Julio Matos

“Brasil e Angola são duas margens do Atlântico que possuem a mesma língua, um passado colonial em comum e muitas histórias compartilhadas. Neste filme, pessoas separadas por um oceano trocam correspondências — alguns são amigos de longa data, outros nunca se viram. Suas histórias se entrecruzam e contam sobre fluxos de migração, saudade, pertencimento, guerra, preconceitos, exílio, distâncias. A busca da identidade e o fio da memória são conduzidos pela linha da afetividade, que une as sete duplas de interlocutores que o documentário nos apresenta: pessoas que traçaram suas histórias de vida entre Brasil, Angola e Portugal.”

 E, para terminar, um lindo filme sobre a língua portuguesa e sua relação com a língua espanhola nas fronteiras entre os dois países!

“Entre Línguas’ é um documentário que mostra como, ao longo da raia com Portugal, existem cinco territórios que, por diversas circunstâncias históricas, decorrentes de feitos políticos, ficaram do lado espanhol da fronteira. Isto provocou que, nas províncias de Zamora, Salamanca, Cáceres e Badajoz, certas vilas, e até concelhos inteiros, conservassem uns dialetos que, apesar da falta de contato com o resto de falares galego-portugueses, conservem um enorme parecido com estes e em particular com o galego falado atualmente na Galiza.”

Em, breve mais filmes lusófonos por aqui! Mandem as suas dicas e sugestões!

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , ,

Um pensamento sobre “Lusofonia audiovisual!

  1. Festin Lisboa disse:

    Olá! Já conhecem o FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa? Criado em 2010, este festival tem como principal objetivo divulgar a cinematografia dos países lusófonos.

    Espreitem no nosso site, os filmes que integraram a edição deste ano, que decorreu de 9 a 16 de maio no Cinema São Jorge, em Lisboa.

    http://festin-festival.com/

    Podem também acompanhar-nos no facebook: http://www.facebook.com/festin.lisboa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: